Artigo

Uso correto de aparelhos ortodônticos

Sexta, 31 de Agosto de 2018

Seja para resolver problemas estéticos ou funcionais, o uso de aparelhos ortodônticos é crescente no Brasil. Os avanços na ortodontia garantem tratamentos cada vez mais rápidos e eficazes, com custos reduzidos. No entanto, para alcançar os resultados desejados, o paciente deve procurar um cirurgião-dentista especialista em ortodontia DA ÁREA DE ORTODONTIA que esteja em constante atualização, uma vez que a habilidade do profissional também é fator preponderante para o sucesso do tratamento.

É o ortodontista quem, por meio do estudo do caso, determinará o tipo de aparelho mais indicado para promover o tratamento que resultará na melhoria estética e funcional.

Fixo ou removível, o aparelho ortodôntico utilizado de maneira correta e com assistência de um profissional qualificado, corrige problemas de má oclusão e também promove a melhoria da mastigação e deglutição e respiração. Os aparelhos têm a capacidade não apenas de corrigir má oclusões, mas também promovem ganho estético para o paciente, melhorando a autoestima.

O sucesso do tratamento ortodôntico dependerá de vários fatores – estáveis, que você não pode controlar, ou variáveis, que dependem da sua cooperação.

Fatores estáveis – Após a avaliação da complexidade do caso, os tipos de má oclusão são divididos em três grandes classes, de acordo com o problema identificado. Para cada caso, será empregado um tratamento específico. A idade do paciente também influencia na duração do tratamento ortodôntico. Crianças costumam ter respostas mais rápidas do que os adultos com o uso do aparelho, por causa do processo de desenvolvimento pleno da arcada.

Fatores variáveis - A colaboração do paciente é fundamental para o sucesso do tratamento. O primeiro passo é ir às consultas de manutenção e depois seguir as orientações dadas pelo ortodontista. A higiene bucal também ajuda a simplificar e diminuir o tempo de tratamento. Uma cárie ou uma gengivite no meio do processo pode atrasar e muito o tratamento.

 

Está usando um aparelho ortodôntico? Fique de olho nas dicas

Normalmente, durante o uso do aparelho ortodôntico  FIXO é necessário evitar alimentos duros e pegajosos e isso também acaba sendo um benefício para a saúde. Na primeira categoria, estão balas, torresmo, nozes, castanhas, pé de moleque e pipoca; na segunda, chiclete, jujubas, caramelos e pirulitos. Desta lista, somente as nozes e castanhas têm valor nutricional considerável, por isso sua saúde agradecerá se puder evitar a ingestão.

 

Dicas para o paciente com aparelho ortodôntico fixo na hora da higiene bucal

  1. Retire os elásticos e qualquer outra parte removível de seu aparelho ortodôntico.
  2. Com a ajuda da escova, esfregue em ângulo de 45 graus, limpando ao redor dos fios. Escove acima do fio ortodôntico e abaixo (certifique-se de remover a placa e os resíduos de alimentos, e de cobrir toda a zona ao redor dos dentes superiores e inferiores).
  3. Use fio dental especial para limpar ao redor do aparelho ou mesmo um passa fio. Pergunte ao seu ortodontista como usar esse tipo de fio.
  4. Enxague abundantemente com água, e examine seus dentes e aparelho ortodôntico no espelho. Devem brilhar.

 

Fonte: Oral B